Palacete Teresa Toledo Lara Ganhará Função Cultural Em 2016

Notícias

Uma construção histórica do centro de São Paulo, datada de 1910, ganhará uma nova função até o começo de 2016.  O Palacete Teresa Toledo Lara, que fica entre as Ruas Direita, Quintino Bocaiúva e José Bonifácio, voltará a ativa.

O local, que no século XX foi sede de grandes referências da nossa música, como os Irmãos Vitale, a Rádio Record e de Bevilacqua, passará a abrigar um novo projeto: a Casa de Francisca que, no novo endereço, manterá o velho nome.

A reforma que vem acontecendo no local está sendo bancada com o dinheiro da família proprietária e, o processo só demorou, pois trata-se de um patrimônio histórico tombado pelo Conpresp, conselho de preservação dos bens históricos de São Paulo.

O espaço para shows terá 2.766m² e três pavimentos, mais subsolo, incluindo uma loja voltada aos músicos que, inclusive, já funciona ali: a Casa Amadeus Musical. Hoje com capacidade para 44 pessoas e autodefinida “a menor casa de shows da cidade”, a Casa de Francisca deve ao menos triplicar a capacidade, planejando um público entre 120 e 150 pessoas no novo local.

Um projeto de financiamento coletivo, batizado de “El Fundador”, será lançado para viabilizar a abertura do espaço. Quem comprar um dos quatro modelos de cadeiras desmontáveis criadas para esse fim levará brindes (como camisa e bandeira) e descontos na compra de ingressos para shows. O projeto da nova Casa de Francisca vai ser lançado na quarta edição da série de shows “El Grande Concerto”, nos dias 28, 29 e 30 de agosto, no Auditório Ibirapuera.

Curiosidades do Local

Construído como edifício de escritórios com comércio no térreo, o palacete abrigou a Rádio Record entre os anos 1940 e 1950. O auditório da emissora abrigou shows e programas de calouros.

Foi lá que Adoniran Barbosa interpretou papeis célebres de radioator, como o do malandro Charutinho. “Sem aquele prédio e a Rádio Record, não existiria Adoniran. Ele só decolou como sambista depois de se consagrar como radioator”, relata Celso de Campos Jr., biógrafo do compositor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *